Segunda-feira, 1 de Agosto de 2011

Se quer saber isso telefone para a Marinha! - Anedota #90

 

Era já de madrugada e o telefone toca. O marido atende e, após uns segundos, diz:
- Como quer que eu saiba? Se quer saber isso telefone para a Marinha!

Deitada ao seu lado, pergunta a mulher:
- Quem era amor?

Responde o marido:
- Sei lá! Era um tipo a perguntar se a costa estava livre…

 

sinto-me:
publicado por Lígia Laginha às 09:14
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 26 de Julho de 2011

Preferes uma mulher bonita ou inteligente? - Anedota #85

 

Uma mulher conversa com o seu marido:
- Querido, diz-me lá, preferes uma mulher bonita ou uma mulher inteligente?

Responde o marido:
- Nem uma nem outra, sabes que só te amo a ti.

 

sinto-me:
publicado por Lígia Laginha às 09:09
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 30 de Junho de 2011

Novo vestido de andar por casa - Anedota #63

 

 

 

A mãe vai visitar a filha recém-casada. Esta recebe-a à porta toda nua. Diz a mãe:
- Filha, que figuras são essas??

Responde a filha:
- É o meu novo vestido de andar por casa, gosta?

- Que conversa é essa? – Pergunta a mãe.

Explica a filha:
- É um pequeno truque que inventei para manter algum picante na vida de casada. É assim que recebo o meu marido todos os dias.

No dia seguinte, a mãe tenta arriscar o método da filha. Quando o marido chega a casa, recebe-o toda nua:
- Gostas amor? É um novo vestido que resolvi usar só para ti…

Resmunga o marido:
- Foi pena não o teres passado a ferro antes…

 

sinto-me:
publicado por Lígia Laginha às 07:28
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 27 de Junho de 2011

Três donas de casa à conversa - Anedota #60

 

Estavam três donas de casa à conversa. Uma inglesa, uma francesa e uma portuguesa. Diz a inglesa:
- No outro dia, preguei uma partida ao meu marido, decidi não lavar a loiça. No primeiro dia não vi nada, no segundo dia não vi nada a não ser uma pilha de loiça suja, no terceiro dia já estava a loiça toda lavada. É preciso é persistência…

Diz a francesa:
- Pois eu, no outro dia, decidi não fazer o jantar. No primeiro dia não vi nada, no segundo dia não vi nada, no terceiro dia lá estava o jantar prontinho em cima da mesa.

Diz a portuguesa:
- Então eu, no outro dia, decidi não fazer mesmo nadinha! No primeiro dia não vi nada, no segundo dia não vi nada, no terceiro dia comecei a ver qualquer coisa do olho esquerdo…

 

sinto-me:
publicado por Lígia Laginha às 07:14
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
16
17

21
24

26
27
28
29
30


.posts recentes

. Se quer saber isso telefo...

. Preferes uma mulher bonit...

. Novo vestido de andar por...

. Três donas de casa à conv...

.arquivos

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

.tags

. todas as tags

.favorito

. Diz que o Dia do Juizo Fi...

. Alemão multado em 1500 eu...

. O canhão - Anedota #27

. Bem feita - Anedota #32

. O Fazendeiro e o sexo ana...

. Inalaram cinzas de cremaç...

. Fã mata gato para imitar ...

. Passa veneno na vagina pa...

. Mulher ganha direito a ma...

. Lili Caneças e as plástic...

.links