Segunda-feira, 19 de Setembro de 2011

Quanto custa para casar? - Anedota #124

Na “idade dos porquês”, o filho pergunta para o pai:
- Papá, quanto custa para casar?
E o pai responde:
- Não sei filho, ainda estou a pagar…

sinto-me:
publicado por Lígia Laginha às 11:49
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 12 de Setembro de 2011

O robot detector de mentiras - Anedota #119

 

Um pai compra um robot detector de mentiras que dá chapadas nas pessoas quando mentem. Decide testá-lo ao jantar
"Filho, onde estiveste hoje?"
"Na escola pai" O robot dá uma chapada no filho. "Ok, vi um dvd em casa do Zé!"
"Que dvd?"
"Toy Story" O robot dá outra chapada no filho."Ok, era porno" choraminga o filho.
"O quê? Quando tinha a tua idade não sabia o que era porno!"diz o pai. O robot dá uma chapada no pai!
A mãe ri-se "ahahaha! Ele é mesmo teu filho" O robot dá uma chapada na mãe! 

 

publicado por Lígia Laginha às 09:33
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 19 de Agosto de 2011

No regresso da missa - Anedota #104

No regresso da missa, o rapaz pergunta ao pai:

- Papá! Porque é que quando Jesus ressuscitou apareceu primeiro às mulheres?

- Não sei... Olha, se calhar queria que a notícia se espalhasse mais depressa...

 

sinto-me:
publicado por Lígia Laginha às 09:07
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 25 de Maio de 2011

A Justina e o Toino, casal alentejano - Anedota #31

 

Justina, no leito de morte, decidiu confessar ao seu Antoino:
- "Toino, sabis que o nosso filho mais velho nã é tê filho?
O Toino, muito tranquilo, responde-lhe:
- Dêxa lá Justina, nã há nenhum problema...
Justina, muito intrigada com toda a calma do sê Toino, suplica-lhe:
- Escuta lá Toino!!! Vê se intendes! Estou adizêr-te que tê filho não é teu! Homem de Deus!!
E o Toino muito serenamente responde-lhe:
- Pois, pois... eu entendi, Justina.
- Ai, Jisus!! Por que raios então tu não estás zangado e ficas tãn tranquilo?!?!
Finalmente, o Toino responde:
- Pois... sabes Justina, que este filho não é tambêm tê filho?
Justina indignada rebate:
- Como não é mê, homem de Deus? Sê carreguê o infliz na minha barriga duranter novi meses?!
- Justina, lembras-te qando tu estavas na maternidade me pediste para trocar o menino, queli estava todo cagado?
 Pois bem... eu troquê-o por um limpinho que estava ao lado.

 

sinto-me:
publicado por Lígia Laginha às 07:22
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 24 de Maio de 2011

O alentejaninho e os filhos - Anedota #30

 

 

O alentejaninho pergunta ao pai como se faz um filho. Diz o pai:
- Ora, mete-se a pilinha num buraquinho e pronto faz-se um filho.
Um dia estava o alentejanito a mijar num buraco da parede e salta de lá um grilo, vai o moço e diz assim:
- Porra, logo preto e com cornos, se não fosses meu filho acabava-te já com o cagar.

 

sinto-me:
publicado por Lígia Laginha às 07:44
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
16
17

21
24

26
27
28
29
30


.posts recentes

. Quanto custa para casar? ...

. O robot detector de menti...

. No regresso da missa - An...

. A Justina e o Toino, casa...

. O alentejaninho e os filh...

.arquivos

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

.tags

. todas as tags

.favorito

. Diz que o Dia do Juizo Fi...

. Alemão multado em 1500 eu...

. O canhão - Anedota #27

. Bem feita - Anedota #32

. O Fazendeiro e o sexo ana...

. Inalaram cinzas de cremaç...

. Fã mata gato para imitar ...

. Passa veneno na vagina pa...

. Mulher ganha direito a ma...

. Lili Caneças e as plástic...

.links