Domingo, 18 de Setembro de 2011

O que é a política? - Anedota #123

 

O menino chega à beira do pai e pergunta:
-Pai, ajudas-me a fazer um trabalho da escola?

Responde o pai muito prestativo:
- Claro meu filho, qual é o assunto?

E responde o menino:
- O que é a política?

Começa a explicação para o miúdo entender:
- Bem, vou usar a nossa casa como exemplo:
1. Sou eu quem traz dinheiro para casa, então sou o capitalismo.
2. A tua mãe administra (gasta) o dinheiro, então ela é o governo.
3. Como nós cuidamos das tuas necessidades, então tu és o povo.
4. A empregada é a classe trabalhadora.
5. E teu irmãozinho bebé é o futuro.
Entendeste filho?

Responde o miudo:
- Mais ou menos pai, vou pensar…

Naquela noite, o filho é acordado pelo choro do irmãozinho, o menino foi ver o que havia de errado e descobriu que o bebé tinha cócó nas fraldas e estava todo sujo. Foi ao quarto dos pais e só estava a mãe num sono muito pesado. Então foi ao quarto da empregada e viu, através da fechadura, o pai na cama com a empregada.

Na manhã seguinte, no café da manhã, o menino diz ao pai:
-Pai, agora acho que entendi, o que é a politica.

-Óptimo meu filho! – Diz o pai orgulhoso. – Então explica-me com as tuas próprias palavras!

Diz o menino:
-Bom pai, ontem à noite percebi que: Enquanto o capitalismo fode a classe trabalhadora, o governo dorme profundamente, o povo é ignorado e o futuro fica na merda.

 

sinto-me:
publicado por Lígia Laginha às 08:32
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Segunda-feira, 5 de Setembro de 2011

O Alentejano e o punk - Anedota #114

 

Num autocarro, um velho alentejano senta-se num banco mesmo em frente a um punk de cabelos compridos, com crista parecida com um galo, madeixas verdes, azuis, rosa e vermelhas.

O velho fica a olhar para o punk e o punk a observar o velho, ambos calados.

O punk vai ficando cada vez mais nervoso, até que não aguenta mais e pergunta ao velho:

- O que foi, paizinho? Você nunca fez nada de diferente, quando era jovem?

- O velho responde: - Sim, fiz! Quando era jovem, diverti-me com uma galinha... e agora estava cá a pensar: "Será que este cabrão é mê filho?..."

sinto-me:
publicado por Lígia Laginha às 11:12
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
16
17

21
24

26
27
28
29
30


.posts recentes

. O que é a política? - Ane...

. O Alentejano e o punk - A...

.arquivos

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

.tags

. todas as tags

.favorito

. Diz que o Dia do Juizo Fi...

. Alemão multado em 1500 eu...

. O canhão - Anedota #27

. Bem feita - Anedota #32

. O Fazendeiro e o sexo ana...

. Inalaram cinzas de cremaç...

. Fã mata gato para imitar ...

. Passa veneno na vagina pa...

. Mulher ganha direito a ma...

. Lili Caneças e as plástic...

.links